Gladbach joga bem, derrota Celtic na Escócia e quebra longo tabu na Champions

hahn-celtic
Stindl e Hahn sacramentaram a 1ª vitória dos Potros fora de casa desde 1977 (Foto: Reprodução/Borussia)

O Borussia Mönchengladbach enfrentou o Celtic nessa quarta-feira (19) pela 3ª rodada da Uefa Champions League, em jogo realizado no Celtic Park, na Escócia. Os Potros, apesar da excelente atuação, vinham de uma derrota para o Barcelona por 2 a 1 na rodada anterior, enquanto os escoceses haviam empatado com o Manchester City por 3 a 3, em jogo também realizado no Celtic Park.

Gladbach, que estava bastante desfalcado para o duelo – Raffael, Hazard, Johnson e Christensen foram baixas – entrou em campo com um time bem modificado, com Jonas Hofmann no meio-campo, além do retorno de Tobias Strobl na contenção, após um período no departamento médico. Mesmo assim a equipe conquistou a vitória, por 2 a 0, com gols de Lars Stindl e André Hahn.

O desafio de André Schubert era anular o Celtic, que costuma ser impetuoso quando joga em seus domínios e o comandante alemão teve êxito em sua estratégia de jogo, pois o M’Gladbach dominou o confronto e foi capaz de parar o jovem Dembélé, destaque da equipe comandada por Brendan Rodgers. O Celtic, com excelente histórico como mandante e bom desempenho na temporada atual, não apresentou qualquer resistência ao domínio dos Potros, que tiveram boas oportunidades para abrir o placar na etapa inicial, principalmente com Hofmann e André Hahn, mas ambos pararam nas boas intervenções do goleiro Gordon.

O ritmo da partida continuou favorável aos alemães, dominando as ações ofensivas do confronto, mas foi através de um erro individual que o Gladbach abriu o placar, após uma jogada típica de Hahn, que dificilmente desiste de uma jogada e aproveitou a displicência de Kolo Touré para, de carrinho, assistir Lars Stindl, que finalizou entre as pernas do arqueiro Gordon, abrindo o placar no Celtic Park.

Logo em seguida o mesmo Touré falhou, mais uma vez e André Hahn, figura bastante participativa no jogo, aproveitou e fuzilou para o fundo das redes, sacramentando a primeira vitória do Gladbach fora de casa na Champions League após 39 anos.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: