Não há lógica com Gladbach em campo! Potros superam Hertha na capital com grande exibição de Raffael

raffa
Foto: Divulgação/Borussia

Imprevisível, não há palavra que define tão bem o Borussia Mönchengladbach. Fora de casa, diferentemente de quando atua como mandante, os Potros mostraram a intensidade que costumam apresentar diante de sua torcida e venceram o Hertha por 4 a 2, com gols de Stindl, Hazard e Raffael, duas vezes.

O resultado colocou o Gladbach, de forma provisória, na 3ª colocação da Bundesliga, com 21 pontos. Na próxima rodada os Potros recebem o Bayern de Munique no Borussia-Park

Em um início de partida eletrizante, os Foals abriram o placar logo aos 5’ após grande jogada de Zakaria pela esquerda. O suíço cruzou, contou com desvio, que sobrou para Lars Stindl completar para as redes. Stindl, alguns minutos depois, voltou  a aparecer em finalização bloqueada por Rekik – o juiz, com auxílio do VAR, anotou pênalti. Hazard, com extrema categoria, deslocou o goleiro e dobrou a vantagem.

Letal em suas chegadas ao ataque, o Gladbach contou também com a sorte. Em tentativa frustrada de levantar a bola para a área, Raffael dominou e executou um chute perfeito de fora da área, no ângulo, anotando um belíssimo gol – o seu 50º com a camisa dos Potros pela Bundesliga.

Como de costume, a defesa do Borussia começou a demonstrar suas falhas recorrentes – as jogadas pelo alto. A defesa começou a sofrer com consecutivos cruzamentos na área. E foi assim que a equipe da capital chegou ao seu primeiro gol, mas em cruzamento pelo chão. Sommer executou uma excelente defesa, mas Kramer afastou mal e Ibisevic aproveitou para diminuir o prejuízo.

Correndo riscos, o Gladbach se segurou até o fim da etapa inicial com a boa vantagem no placar, mas voltou a sofrer na etapa final, em outro problema recorrente da defesa – a bola parada. Weiser aproveitou bola ajeitada por Kalou e bateu cruzado, com o Hertha chegando ao seu segundo gol. Ameaçado, os Potros responderam imediatamente com o brasileiro Raffael, sempre decisivo, depois de boa jogada individual de Herrmann – que havia entrado na vaga do apagado Johnson.

O tento do experiente atacante brasileiro foi suficiente para assegurar uma importantíssima vitória para os Potros.

Sommer (7), Elvedi (8), Ginter (6), Vestergaard (5), Wendt (5); Kramer (5). Zakaria (7), Johnson (4)/Herrmann (7), Hazard (6); Stindl (6), Raffael (9)

Curiosidades:

  • Hazard anotou todos os três pênaltis que bateu na temporada
  • Hazard esteve envolvido (gol ou assistência) em cada um dos últimos 9 jogos – primeira vez que um jogador do Gladbach alcança isso desde 1992
  • Stindl anotou oito dos seus últimos nove gols fora de casa

Um comentário em “Não há lógica com Gladbach em campo! Potros superam Hertha na capital com grande exibição de Raffael

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: