Compactado, Borussia Mönchengladbach mostra autoridade e supera Bayern de Munique

thorgan
Foto: Divulgação/Bundesliga

Em um jogo eletrizante, o Borussia Mönchengladbach provou novamente que é o carrasco do Bayern de Munique. Com o Borussia-Park completamente tomado por sua apaixonada torcida, os Potros superaram os bávaros por 2 a 1, com gols de Hazard e Ginter, enquanto Vidal diminuiu para os visitantes.

Compactado, o Gladbach atuou com raça e superou o Bayern de Munique em jogo válido pela 13ª rodada da Bundesliga, alcançando a 4ª colocação do campeonato com 24 pontos. Já o Bayern, mesmo com a derrota, segue na liderança da competição com 29 pontos. Depois de resultados ruins e certa turbulência, o Borussia engatou duas vitórias de altíssima grandeza contra Hertha e Bayern de Munique.

Diante de sua torcida, os Foals começaram a partida com uma marcação extremamente compactada, diminuindo os espaços e evitando infiltrações do Bayern pelos lados do campo. O lance de impacto nos minutos iniciais, no entanto, foi o choque entre Jannik Vestergaard e Kramer, lance em que o meio-campista teve que ser substituído devido a uma pancada na cabeça.

Alguns minutos depois do incidente, já com Jantschke em campo e com Ginter compondo o meio, o Gladbach desperdiçou uma chance incrível com o brasileiro Raffael, que após receber assistência de Stindl, finalizou sem precisão alguma, perdendo uma grande oportunidade de abrir o placar no Borussia-Park.

Em um duelo parelho e baseado em uma disputa no meio-campo, os Foals abriram o placar em um lance fortuito: Niklas Süle acertou a bola com a mão dentro da grande área,e o belga Hazard, especialista em penalidades – acertou as quatro cobradas na temporada – converteu e levou a torcida ao delírio. Os bávaros quase que imediatamente chegaram ao empate, mas Lewandowski acertou a trave – mantendo o péssimo recorde de apenas um gol contra os Potros intacto.

Matthias Ginter, aproveitando jogada individual do capitão Stindl, teve o trabalho apenas de completar para as redes depois de desvio na zaga, o que tirou completamente o arqueiro Ulreich de ação. Jantschke, que havia entrado na vaga de Kramer, foi substituído no intervalo após um choque de cabeça com James Rodríguez.

O panorama da etapa complementar não mudou muito, com uma disputa intensa na faixa central do campo. O Bayern chegou com perigo, mas mais uma vez arrematou na trave, dessa vez com Coman, e também com a sorte do goleiro Sommer, que quase anotou contra.

Os visitantes finalmente diminuíram a contagem através de Arturo Vidal, contando com colaboração do arqueiro suíço, que poderia ter feito melhor na finalização do chileno. O tento, entretanto, foi insuficiente para a equipe comandada por Jupp Heynckes. Josip Drmic, nos minutos finais, ainda desperdiçou chance incrível de ampliar a vantagem dos Potros, mas o triunfo já estava sacramentado.

Sommer (6) – Elvedi (7), Ginter (8), Vestergaard (7), Wendt (6) – Hazard (7), Kramer (Jantschke 11′, Johnson 46′), Zakaria (7), Herrmann (6) – Stindl (8), Raffael (5). (Drmic 90+1′)

Um comentário em “Compactado, Borussia Mönchengladbach mostra autoridade e supera Bayern de Munique

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: