Diretor esportivo do Borussia Mönchengladbach, Max Eberl analisa início de temporada: “estamos no caminho certo”

ME
Foto: Divulgação/Borussia

Em entrevista ao site oficial do Borussia, o diretor esportivo Max Eberl discutiu sobre diversos assuntos referentes ao início de temporada na Alemanha, tal como a trajetória inicial dos Foals na campanha 2018-2019 e o equilíbrio da elite alemã.

Tivemos um início de temporada de sucesso. Vencemos nossa partida na DFB Pokal da melhor maneira possível e já garantimos pontos importantes na Bundesliga. Claro que seria fantástico ter vencido em Augsburg, mas sabemos, pelos resultados anteriores, como é difícil extrair algo de lá”, analisou o diretor dos DieFohlen.

O diretor também foi indagado sobre o reforço mais caro da história do clube, Alassane Pléa, que anotou o tento de empate diante do Augsburg: “Existe, infelizmente, muito interesse em relação a contratações caras. Com Alassane Pléa, contratamos um jogador cujas qualidades vão ajudar a equipe. Ele marcou quatro gols em três jogos o que não é ruim para um atacante em um novo clube. Mesmo assim ele deve se adaptar rapidamente a Bundesliga. Você pode ver em uma estrela mundial, como Cristiano Ronaldo, que ainda não marcou pela Juventus, o quão difícil pode ser para um jogador se ajustar em uma nova liga”, afirmou Eberl.

As pessoas precisam ser mais pacientes com jogadores, treinadores e desenvolvimento de uma equipe. Estou preocupado ao ler que existem três treinadores na Bundesliga que têm seus respectivos trabalhos em xeque após somente duas partidas, isso não faz o menor sentido. Precisamos voltar a dar tempo para as pessoas no futebol para que as coisas se desenvolvam”, complementou o diretor em sua análise sobre a pressão desnecessária existente nos clubes, algo comumente veste no Brasil.

Além disso, Max Eberl foi perguntado sobre o desempenho de equipes de alta expectativa na temporada e que ainda não conseguiram corresponder nas rodadas inicias da Bundesliga, casos de Schalke 04, RB Leipzig e Bayer Leverkusen: “Não é nada novo dado a quão equilibrada a Bundesliga quando você considera os anos anteriores. No passado, você geralmente podia indicar que lutaria contra o rebaixamento e quem lutaria pela Europa, no entanto não é esse o caso. Bayern de Munique provavelmente vencerá a liga novamente, mas espero que as demais equipes estejam dispostas a lutar quando defrontarem os bávaros. O resto da liga está bastante equilibrada, com clubes realizando contratações inteligentes, trazendo bons jogadores e tendo elencos saudáveis a disposição”, discorreu o diretor.

Por fim, Eberl foi indagado sobre a presença do jovem Jordan Beyer na equipe principal e em relação a participação das categorias de base do clube:

Investimos mais de dez anos em nossa atual filosofia, que é desenvolver jovens talentos de nossa academia ou comprar de fora. Fomos bem sucedidos dessa forma no passado e não há clube como o Gladbach quando se trata de jovens talentos. É fantástico quando um jovem jogador sai de nossas categorias de base e está apto para treinar ou se firmar na equipe principal como Jordan Beyer fez. Pensamos que é tremendo ver que ele foi o 25º jogador de nossa “FohlenStall” – parede que contempla uma foto de jogadores da academia a jogarem profissionalmente pelo clube, localizada no estádio do clube – a realizar sua estreia na Bundesliga desde que nos mudamos para o Borussia-Park (2004)”, finalizou o diretor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: