Por quê Bayern x Borussia Mönchengladbach é um confronto tão importante na Bundesliga?

q
Foto: Divulgação/Bundeliga

Os dois clubes chegaram ao topo da Bundesliga em 1965, tendo conquistado o acesso em suas respectivas liga nacionais. Bayern de Munique foi esnobado durante a criação da Bundesliga dois anos antes – com a DFB escolhendo o 1860 Munique como representante da cidade – mas eles rapidamente se adaptaram a liga. Comandados pelo meio-campista iuguslavo Zlatko Cajkovski, o Bayern alcançou o 3º lugar em sua temporada inaugural da Bundesliga, além de conquistar a DFB Pokal daquele ano, levando-os a conquistar a Uefa Cup no ano seguine.

Não demorou muito para que o Borussia Mönchengladbach também apreciasse momentos de glória. Sob o comando de Hennes Weisweiler, o Borussia conquistou sua primeira Bundesliga na temporada 69/70. Enquanto o estilo do Bayern era baseado em uma disciplina rígida e defesa sólida – com Beckenbauer liderando a equipe em uma função criada pelo próprio jogador, a de líbero – o Gladbach era absolutamente atacante, veloz e jovem, garantindo-os o apelido de ‘Foals’, o qual o clube defende orgulhosamente até os dias atuais.

Borussia possuía muita classe em seu elenco para competir com o Bayern de Munique, como por exemplo o armador Günter Netzer, um dos maiores nomes da história do clube, ajudado por uma excelente equipe de suporte formada por Berti Vogts, Wimmer e Jupp Heynckes. Com isso os Foals foram capazes de conquistar, de forma inédita na até então história da competição, um bicampeonato consecutivo, defendo com sucesso a conquista em 1970.

Conheça os maiores ídolos da história do Borussia Mönchengladbach

Ambas as equipes também conquistaram inúmeras glórias internacionais durante o período. Gerd Müller, por exemplo, anotou 40 gols em uma temporada, recorde absoluto da liga em apenas uma temporada, levando os bávaros a um tricampeonato na sequência, outro feito inédito até então. Nove dos onze inicias da Alemanha na final da Eurocopa de 1972 pertenciam a Bayern de Munique ou Borussia Mönchengladbach – ratificando a força das equipes. A dinastia nacional, consequentemente, levou ao sucesso internacional da dupla, conquistando títulos pela Europa.

O Bayern de Munique, por exemplo, tornou-se campeão da Champions League em 1974 ao superar o Atlético de Madrid po 4 a 0 na final, além de mais duas conquistas consecutivas da competição mais importante da Europa em 1975 e 1976, diante de Leeds e Saint-Etienne, respectivamente. Embora tenha levantado o troféu de campeão da Bundesliga após as três conquistas consecutivas (75-77), o clube nunca conseguiu igualar o patamar bávaro no âmbito europeu. Os Foals alcançaram a final da Champions League em 1977 diante do Liverpool e acabaram derrotados por 3 a 1. Por outro lado, o Borussia conquistou a Uefa Cup em duas oportunidades – 1975 e 1979.

Indo em caminhos distintos

1180487_imgw750
Udo Lattek, que faleceu em 2015, é o treinador mais vitorioso da história da Bundesliga com oito conquistas: seis pelo Bayern e duas pelo Borussia (Foto: Divulgação/Imago)

O fim dos anos 70 foi um ponto de mudança na sorte dos dois clubes. Enquanto o Bayern continuou aproveitando um imparável sucesso durante os anos 80 em diante, o Borussia nunca conseguiu recapitular seus períodos de glória. Os Potros perderam o título da Bundesliga em 1984 – terminando em 3º na diferença de gols (saldo de gols), perdendo para o Stuttgart – e a única conquista nos últimos 40 anos foi a DFB Pokal de 1995.

Rivalidade ressurgindo?

Enquanto a rivalidade entre os dois clubes perdeu um pouco de sua faísca, o Gladbach tem um dos melhores retrospectos recentes diante dos bávaros, com cinco triunfos desde o início da campanha 11-12. Aquela época, Igor de Camargo, na abertura da temporada, sacramentou a vitória dos Potros na Allianz Arena, justamente na estreia do arqueiro Manuel Neuer e alguns meses depois, Patrick Herrmann e Marco Reus comandaram um novo triunfo diante da equipe da Baviera, sacramentando um improvável ‘double’ na temporada.

Nas últimas 14 partidas o Bayern de Munique venceu “somente” seis partidas diante do Borussia, perdendo outras cinco e contabilizando três empates desde 11-12. Os Potros conquistaram pontos em quatro ocasiões na Allianz Arena nesse período, com duas vitórias e dois empates.

Para muitos, nunca haverá “original klassiker” porque o termo “klassiker” não existia quando Beckenbauer, Netzer e Heynckes atuavam pela Bundesliga, mas não há como negar a rivalidade especial que existe entre Bayern e Borussia – os reis do futebol germânico nos anos 70 – e ainda pode continuar por muito tempo.

Um comentário em “Por quê Bayern x Borussia Mönchengladbach é um confronto tão importante na Bundesliga?

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: