Gladbach supera Augsburg, alcança recorde histórico no Borussia-Park e segue impecável como mandante na Bundesliga

potros
Foto: Divulgação/Bundesliga

Borussia Mönchengladbach entrou em campo neste sábado (26) em jogo válido pela 19ª rodada da Bundesliga, no Borussia-Park, diante do Augsburg, em seu primeiro confronto como mandante do ano. Igualando o recorde da história do clube, o Gladbach superou o Augsburg por 2 a 0, com tentos de Wendt e Herrmann, chegando a 12ª vitória consecutiva como mandante – a nona na atual temporada, seguindo 100%.

Os Potros entraram em campo sem a presença de um dos seus principais jogadores, o belga Thorgan Hazard, com um pequeno problema na panturrilha, no entanto, o bom desempenho dos Foals prosseguiu bem nítido desde os primeiros minutos de partida, a partir de boas triangulações e principalmente pela boa presença ofensiva do meio-campista Florian Neuhaus. O problema maior, todavia, seguia sendo a finalização, com várias oportunidades desperdiçadas, duas delas por Ibrahima Traoré. Na primeira, mérito maior do goleiro, que executou uma belíssima defesa após excelente jogada do ponta.

Na segunda oportunidade, o Gladbach criou uma ótima jogada de fundo de campo, a bola cruzou toda área até chegar em Traoré, com o goleiro batido, finalizou com força, mas foi bloqueado pelos defensores. No rebote, Lang isolou. O relógio da primeira etapa encaminhava-se para o fim quando Neuhaus foi derrubado dentro da área – Hofmann foi para a cobrança e parou no goleiro Kobel, e o rebote foi devidamente desperdiçado por Pléa, que isolou. Essa foi a 6ª ocasião em que os Fohlenelf chegaram ao intervalo empatando por 0 a 0 no Borussia-Park. Como é de conhecimento geral, o clube venceu todas essas partidas, assegurando o aproveitamento de 100%.

O desempenho na etapa complementar não foi o mesmo da etapa inicial, e a equipe começou a mostrar ansiedade ao não encontrar as redes e o tempo ir passando, até que o arqueiro do Augsburg falhou após um cruzamento, e o lateral Oscar Wendt, como elemento surpresa, apareceu dentro da área para mandar para o gol, de perna direita, abrindo o marcador. O confronto, que parecia controlado, teve apenas um momento de susto por parte dos visitantes, através do ex-Foal André Hahn, que aproveitou contra-ataque e finalizou forte, mas parou no suíço Sommer.

Mickäel Cuisance, que entrara no segundo tempo, teve uma excelente participação na partida, distribuindo vários dribles espetaculares e criando jogadas. Por fim, no último lance da partida, Patrick Herrmann pegou a bola, seguiu em progressão, e, sem marcação, arriscou de fora da área para anotar um belíssimo gol, no ângulo, para sacramentar mais um triunfo dos Foals.

Sommer (6,5), Lang (6,5), Ginter (7), Elvedi (7), Wendt (8); Strobl (6,5), Neuhaus (7)/Cuisance (7), Hofmann (7); Traoré (6)/Herrmann (7), Pléa (6), Stindl (6,5).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: