Ídolo e atual treinador de goleiros, Uwe Kamps analisa transferências: “Próximo passo para Nicolas, Grün será backup”

Foto: Divulgação/Borussia

Um dos grandes ídolos da história do Borussia Mönchengladbach, o ex-goleiro Uwe Kamps atualmente ocupa o cargo de treinador de goleiros dos Foals e diante das transferências anunciadas nesta sexta-feira (31), ele analisou os negócios e as opções para o futuro do clube.

Moritz tinha o desejo de ser emprestado nos últimos anos, mas queríamos que ele ficasse conosco por mais um ano, para que ele pudesse ser o 3º goleiro e atuar regularmente na equipe sub-23, alcançando outro passo no desenvolvimento. Isso não foi possível, uma vez que ele teve duas lesões e ficou fora por um tempo. No entanto, ele foi espetacular nesta temporada, teve um desenvolvimento incrível e deu grandes passos. Agora visualizamos o Nicolas no nível para dar o próximo passo – e é agora, na Bundesliga

O antigo arqueiro dos Potros falou sobre o plano em relação ao empréstimo de Nicolas: “Ele assinou uma extensão de contrato até 2023. Ele sairá por empréstimo para o Union Berlin, por dois anos, então ele tempo suficiente para se ajustar e se desenvolver lá. De toda forma, temos a oportunidade de chamá-lo de volta após um ano. Enxergamos ele como um goleiro que jogará por nós no futuro, quando voltar”

Em decorrência da saída de Moritz Nicolas, o Gladbach assinou com o experiente Max Grün (32) por ano um ano: “Discutimos como suprir essa posição por um longo tempo, ou ficar com um jovem goleiro de nossa base ou trazer algum experiente – decidimos que precisávamos de um pouco de tempo para tomar essa decisão, esse é o motivo pelo qual trouxemos um goleiro experiente”, afirmou Kamps, que também falou sobre a possibilidade de contar com um jovem arqueiro da base do clube, algo que ficou para depois.

Essa opção seria pelo Jan Olschowsky, que já treinou com a equipe principal por diversas vezes e inclusive esteve presente na nossa preparação de inverno. Uma vez que disputaremos a Uefa Europa League, crescem as chances de um terceiro goleiro ser acionado. Jan Olschowsky tem atuado pela nossa equipe sub-19 recentemente, mas ele tem apenas 17 anos. Ele tem muito potencial e já atuou em duas oportunidades na Regionalliga, com boas atuações. Nosso desejo é que Jan alcance o próximo passo na carreira atuando no nível mais alto, com a equipe principal e atue regularmente pela equipe sub-23: treinando e jogando futebol de elite – é o melhor para o desenvolvimento dele”, analisou Uwe.

Por fim, o treinador de goleiro dos Foals falou sobre a hierarquia no gol: “Deixamos claro para Max Grün de que ele assinou para ser a terceira opção. Temos Sommer, o melhor goleiro da liga e Tobias Sippel, nosso número suplente, um dos melhores reservas. Tobi aceitou esse posto porque ele sabe o quanto apreciamos ele – ele sempre está persente quando precisamos com boas exibições. Max contribuirá dando suporte aos outros dois e estará presente se precisarmos”, finalizou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s