Entrevista exclusiva com Famana Quizera, talento português do Borussia Mönchengladbach

Foto: Divulgação/Bild

Extremamente promissor, o jovem meio-campista Famana Quizera, 17 anos, assinou pelo Borussia Mönchengladbach na temporada passada, contratado junto ao Benfica, sendo incorporado a equipe sub-17 dos Foals e rapidamente obtendo destaque – foram 11 gols e uma assistência em nove partidas, suficiente para o clube entender que ele estava acima do nível da categoria.

Dessa forma, Quizera subiu e realizou algumas partidas pela equipe sub-19 do Borussia, tendo como ponto alto uma assistência no triunfo por 1 a 0 diante do Borussia Dortmund, fora de casa – uma equipe extremamente forte na categoria. Na atual temporada, graças a alguns desfalques na posição e participação da equipe sub-23 na Regionalliga, o jovem português teve uma oportunidade de atuar com a equipe principal, em amistoso diante do Angers, da França, vencido por 2 a 1 e com grande exibição de Quizera, eleito o melhor em campo e extremamente elogiado pelo treinador Marco Rose e pelo maestro Raffael.

De forma exclusiva, conseguimos uma entrevista com o jovem jogador, uma das grandes promessas de Portugal e também do Borussia Mönchengladbach.

Q: Quizera, você defendia as cores do Benfica, clube tradicional na formação de jovens jogadores e decidiu mudar-se para o Borussia Mönchengladbach, também reconhecido por isso. O que te levou a essa mudança?

A: Sim, tive no Benfica 5 anos, o que me levou a está mudança queria enfrentar novos desafios e o Borussia Mönchengladbach foi o clube que me valorizou mais – já estavam a me observar há 3 anos por isso não pensei duas vezes, sempre quis estar aqui e agora vou continuar trabalhando para chegar um dia a primeira equipa, se Deus quiser.

Q: Desde adolescente, você defende as camadas jovens de Portugal, mas tem origem em Guiné Bissau. Futuramente, qual seu pensamento em relação a qual nação defender?

A: Sim, eu penso no presente que estou na seleção de Portugal aproveito todos os momentos, quem sabe no futuro possa jogar na seleção da Guiné Bissau que tem vindo a melhorar muito!

Q: Assim como em qualquer outro lugar do mundo, vemos bastante preconceito e racismo. Você, natural de Guiné-Bissau e sendo negro, já sofreu com qualquer tipo de situação desse nível em sua carreira? E como se sente em relação a essas pessoas que utilizam métodos preconceituosos para atacar jogadores e pessoas?

A: É impossível não passar por estas coisas de racismo, mas eu tento não dar a importância, foco no futebol que é mais importante e a minha família já me preparou para isso, espero que isso nunca me afete

Q: Anteriormente no Benfica, recheado de brasileiros, tanto no elenco quanto em sua lista de ídolos e agora no Borussia Mönchengladbach, com a presença de Raffael, você tem algum brasileiro em especial que você admira ou tem inspiração?

A: O Robinho e Ronaldinho são os meus ídolos e o Raffael também. Espero treinar e jogar muitas vezes com ele para aprender muitas coisas.

Q: Você chegou ao Gladbach e teve grandes atuações pela equipe sub-17 e logo foi promovido ao time sub-19, jogando algumas partidas na categoria

A: O primeiro ano no clube foi positivo agora é continua a trabalhar que ainda falta muita coisa para conseguir e conquistar

Q: Recentemente você atuou com a equipe principal e foi bastante elogiado, inclusive como melhor em campo, como foi essa sensação e quais são suas expectativas dentro do clube?

A: Quando recebi notícias que eu ia fazer jogo com a equipe principal fiquei muito feliz, emocionado e muito nervoso, depois que fomos para o jogo eles me ajudaram muito e me fizeram sentir como se eu estivesse na primeira equipe (elenco principal) isso ajudou me muito.

Q: Por fim, como foi sua adaptação a Alemanha, desde que chegou? O clube ajudou de alguma forma, acompanhamento, ou até mesmo companheiros de time

R: Adaptação está sendo muito boa, o clube tem me ajudado muito para não faltar nada e os meus companheiros também!

Gostaria de agradecer ao Famana Quizera pela entrevista e pela gentileza de responder as perguntas de forma bem solicita, muito sucesso no futuro e que possa vir a brilhar na equipe principal dos Potros. Agradeço também ao companheiro Guilherme Pacheco, que sugeriu a pauta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: