Maior do Rio Reno! Gladbach supera Leverkusen fora de casa, completa ‘trinca’ contra rivais locais e segue no topo da Bundesliga

Foto: Divulgação/Borussia

Defendendo a liderança da Bundesliga, o Borussia Mönchengladbach entrou em campo neste sábado (2) diante do Bayer Leverkusen, fora de casa, em jogo válido pela 10ª rodada da competição. Contando com uma grande atuação individual de Marcus Thuram, os Potros triunfaram por 2 a 1, com tentos de Wendt e do próprio Thuram, enquanto Volland diminuiu para os Aspirinas. O triunfo diante do Leverkusen representou a ‘trinca’ do Gladbach diante de seus rivais locais – superou Köln, Düsseldorf e Leverkusen na temporada.

Mantendo o esquema utilizado diante do Borussia Dortmund, pela DFB Pokal (triunfo dos aurinegros por 2 a 1), Rose alterou apenas algumas peças do 5-3-2, provavelmente devido ao desgaste físico de alguns atletas, como Denis Zakaria, que havia atuado em todos os minutos da temporada. Além do suíço, Stindl e Bénes foram outras peças importantes que iniciaram o confronto como suplentes – curiosamente, todos entraram no decorrer da peleja.

Compactado e devidamente preparado para o futebol “Boszball” do Leverkusen, o Gladbach se postou bem em campo e defendeu com maestria nos minutos iniciais, até começar a incomodar, surgindo assim, a estrela de Marcus Thuram. O francês aplicou um drible desmoralizante no brasileiro Wendell e cruzou na medida para Oscar Wendt, aparecendo como elemento surpresa e tendo apenas o trabalho de empurrar a bola para o fundo das redes. O belíssimo tento anotado pelos Foals, no entanto, não pôde ser celebrado por muito tempo, pois em poucos minutos, Kevin Volland igualou o marcador, após excelente bola em profundidade – o alemão partiu em progressão e, sozinho, driblou Sommer e marcou.

O Borussia, contudo, não se intimidou, e novamente a estrela de Thuram brilhou. Após boa jogada tramada entre Jantschke, Lainer e Herrmann, o francês recebeu praticamente dentro do gol, em jogada semelhante ao do primeiro gol, e assim como o sueco Wendt, Thuram apenas teve o trabalho de completar pro gol, assegurando a vantagem dos Foals na primeira metade.

Como esperado, devido a elevada intensidade de jogo e desgaste evidente de alguns jogadores, o Borussia praticamente se limitou a assegurar a vantagem na etapa complementar – Thuram, por exemplo, teve de ser substituído, tendo em vista que o francês é o único atacante disponível no momento e vem atuando em todos os jogos. Utilizando uma configuração mais defensiva, os Die Fohlen contaram com boas intervenções do arqueiro suíço Yann Sommer, que realizou pelo menos duas defesas de grande dificuldade. Por outro lado, em boa jogada de Hofmann, o Gladbach teve sua melhor chance na partida – o meia recuperou a bola, driblou Tah e cruzou na medida para Neuhaus, que parou em excelente defesa de Hradecky.

Na base do abafa, o Leverkusen até tentou alcançar o empate, essencialmente nas bolas levantadas na área, mas sem sucesso. Nos momentos finais, Leon Bailey ainda teve tempo de ser expulso, ao atingir Patrick Herrmann de forma agressiva.

Sommer (7,5), Lainer (7), Jantschke (8), Ginter (6,5), Elvedi (7,5); Wendt (8,5); Kramer (8), Neuhaus (7,5), Hofmann (7); Herrmann (7), Thuram (9)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s