Tony Jantschke, o “fussballgott” do Borussia Mönchengladbach

Foto: Divulgação/Bild

No futebol atual, dificilmente encontramos jogadores que passam a carreira toda defendendo as cores de apenas um clube. Pelo Borussia Mönchengladbach, dois atletas atuaram profissionalmente somente pelos Potros: Patrick Herrmann e Tony Jantschke – o “fussballgott”, denominação para “Deus do futebol”.

Operário e polivalente, Jantschke está no Borussia desde 2006, quando chegou do Dresden Nord sub-17. O atleta progrediu por todas as categorias do clube até alcançar a equipe profissional em 2008 – e foi lançado pelo treinador Hans Meyer, que alterou o posicionamento de Jantschke, inicialmente volante de contenção, mas que também atuava como defesa pela esquerda e central.

Nos anos seguintes, Tony conseguiu ser titular de forma regular atuando na lateral-direita e, em 13-14, aproveitando-se de várias lesões no setor, atuou na zaga. Jantschke inclusive foi peça importantíssima na campanha do Borussia Mönchengladbach na temporada 2014-2015, a melhor do clube desde 86-87. O “fussballgott” que atuava na lateral naquela campanha foi descolado para o centro da defesa após uma lesão de Martinz Stranzl, formando dupla com o espanhol Álvaro Domínguez.

Em toda trajetória pelos Die Fohlen, Jantsckhke vestiu a camisa da equipe principal em 275 oportunidades (ocupando a 23ª colocação dos jogadores que mais jogarem pelo Borussia), anotando cinco gols e contribuindo com sete assistências. Além disso, o defensor atuou por 22 vezes na equipe II e em 52 oportunidades pelo sub-19 do Borussia.

Posso imaginar um trabalho (após a carreira futebolística) no Borussia. Conheço o clube, a maioria das pessoas que trabalham aqui, as pessoas da direção, a estrutura das categorias de base com Roland Virkus e muitos outros do complexo (que abrange hotel, estádio e áreas próximas”, disse o jogador em entrevista ao Rheinische Post

Sempre que necessário, os treinadores do Gladbach acionam os serviços de Tony Jantschke, seja em qualquer posição do campo ou em qualquer situação. Jantschke pode até não ter grande reconhecimento da imprensa ou até mesmo por torcedores de outras equipes, mas todo torcedor do Borussia Mönchengladbach reconhece o valor do atleta, não só dentro de campo, mas pela representatividade com a camisa dos Foals.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: