Bensebaini comete pênalti patético no último lance e impede triunfo do Borussia Mönchengladbach diante do Stuttgart

Bensebaini protagonizou um dos lances mais irresponsáveis dos últimos anos (Foto: Divulgação/Imago)

Parecia uma vitória encaminhada, mas o argelino Ramy Bensebaini achou uma boa ideia dar um ‘ippon’ dentro da área, no último lance da partida. Diante do Stuttgart, fora de casa, o Gladbach ficou somente no empate por 2 a 2, em jogo válido pela 16ª rodada da Bundesliga. González e Silas anotaram pelos Suábios, enquanto Stindl e Zakaria marcaram pelos Foals.

Contente com a atuação diante do Bayern, o técnico Marco Rose lançou a mesma equipe para encarar o Stuttgart – e o início foi promissor, com boa pressão na saída de bola do adversário e algumas chances criadas. Embolo, em jogada individual, exigiu boa defesa do goleiro adversário, mas pecou na tomada de decisão de alguns outros lances. Aos 35’, Stindl deu bom passe para Lainer, que foi derrubado por Sosa dentro da área – o capitano cobrou com perfeição e abriu o placar.

Já na segunda etapa, o Stuttgart iniciou uma pressão maior e o Gladbach já não encontrava qualquer válvula de escape, até que aos 58’, Sosa acertou belíssimo cruzamento para González – o atacante acertou um belo peixinho e empatou. Vale-se ressaltar uma tendência do Ginter em se deslocar para o lado direito do campo, deixando o centro da defesa desprotegido, e foi justamente assim que o jogador argentino dos Suábios apareceu livre na pequena área.

Lars Stindl segue em excelente fase (Foto: Divulgação/Borussia)

A resposta do Gladbach, no entanto, não demorou muito. Pléa deu uma leve ‘casquinha’, Stindl conduziu e acertou outro belíssimo passe em profundidade para Zakaria, que avançou como um atacante e tocou de esquerda, na saída do goleiro, recuperando a vantagem do Gladbach.

Já nos minutos finais e apenas tentando assegurar o triunfo, o lateral-esquerdo Ramy Bensebaini achou uma boa ideia dar um golpe de judô ou qualquer arte marcial que seja no ataque do Stuttgart, aos 90+5’ e após um cruzamento terrível do time mandante. Não deu outra, o VAR acionou Felix Brych, que não havia assinalado a penalidade anteriormente, e o árbitro alterou a decisão. Wamangituka deslocou Sommer e garantiu o empate.

Sommer, Lainer, Ginter, Elvedi, Bensebaini; Kramer (Herrmann), Neuhaus, Zakaria (Bénes); Hofmann, Stindl (Wolf); Embolo (Pléa)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s