Borussia Mönchengladbach joga apenas o suficiente, bate o Kaiserslautern e avança de fase na Copa da Alemanha

Foto: Reprodução/IMAGO

Iniciando os trabalhos da temporada 2021-2022, o Borussia Mönchengladbach visitou o Kaiserslautern nesta segunda-feira (9) em jogo válido pela 1ª fase da DFB Pokal, a Copa da Alemanha. Jogando apenas o suficiente para avançar, os Potros venceram por 1 a 0, com tento de Lars Stindl. O Gladbach muda o foco para a Bundesliga – a estreia será nessa sexta-feira (13) diante do Bayern de Munique, no Borussia-Park.

Com a ausência de alguns jogadores como Bensebaini e Thuram, o técnico Adi Hütter deu chances para Scally e Bénes na equipe titular. O Gladbach abriu o placar logo aos 11’ com Lars Stindl, que recebeu bom cruzamento de Herrmann e cabeceou no contra pé do goleiro adversário. Depois disso, o ritmo diminuiu bastante e o Borussia começou a ter enormes dificuldades para sair jogando com a bola no chão – ligação direta passou a ser a tendência da equipe e obviamente o resultado não foi satisfatório.

Kaiserslautern, sem nada a perder, passou a tentar criar problemas para os Potros e chegou a oferecer certo perigo em algumas ocasiões, principalmente com Zimmer pelo lado direito de ataque dos Red Devils. Em uma das boas oportunidades dos mandantes, o goleiro Yann Sommer executou uma excelente defesa. No fim da etapa inicial, o Gladbach voltou a aparecer com perigo em três ocasiões – Lainer, desviando no primeiro poste do escanteio, Wolf finalizando “tirando tinta” da trave e Herrmann, que desperdiçou uma chance claríssima ao finalizar na trave após excelente lançamento de Scally.

Apesar de chances desperdiçadas e riscos desnecessários, Gladbach mantém vantagem mínima e avança

Já na etapa complementar, o jogo ficou ainda mais moroso – o Kaiserslautern tentava, de alguma forma, criar alguma oportunidade, enquanto o Gladbach seguia com enormes problemas para ter uma movimentação ofensiva efetiva. Nada de muito interessante aconteceu na etapa complementar a não ser um clássico jogo de Copa, com algumas entradas mais fortes e discussão entre os jogadores, mas na bola, pouca coisa de fato aconteceu.

Na reta final, Stindl teve outra oportunidade para marcar ao receber passe de Wolf, no entanto o capitano novamente chutou para defesa do goleiro Raab. A formação com Kramer, Neuhaus, Bénes, Wolf e Stindl não favoreceu um jogo de profundidade e pelo meio, o Gladbach não conseguiu trocar mais do que três passes para construir uma jogada. Por outro lado, o jovem Joe Scally teve atuação destacada, mesmo jogando fora de posição.

Sommer (7), Lainer (6), Ginter (6), Elvedi (7), Scally (8); Kramer (5), Neuhaus (5), Bénes (5), Wolf (6), Herrmann (5,5), Stindl (7). Subs: Bennetts, Pléa e Hofmann

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s