Erros capitais são cruciais, Borussia Mönchengladbach é superado pelo Union Berlin e segue sem vencer na Bundesliga

Foto: Reprodução/Getty Images

Buscando a recuperação depois de uma derrota acachapante diante do Bayer Leverkusen, o Borussia Mönchengladbach visitou o Union Berlin neste domingo (29), fora de casa, pela 3ª rodada da Bundesliga. Graças a dois erros individuais graves, os Potros foram superados por 2 a 1, com gols de Giesselmann e Awoniyi para o Union, enquanto Hofmann descontou no fim.

O campeonato pausa para a data Fifa, proporcionando ao técnico Adi Hütter duas semanas até o confronto diante do Arminia Bielefeld, no Borussia-Park. A equipe deverá contar com os retornos de Matthias Ginter, Manu Koné e Breel Embolo.

Gladbach controla a partida, mas comete erros capitais

Sem as presenças de Marcus Thuram e Stefan Lainer, com lesões graves, e Ginter, positivo para covid-19, o Borussia Mönchengladbach entrou em campo com a presença do jovem Jordan Beyer na zaga ao lado de Elvedi, enquanto Scally passou a ocupar a lateral direita e Bensebaini naturalmente retornou ao flanco esquerdo. O argelino, inclusive, quase deu de presente um gol nos primeiros instantes da partida ao cabecear uma bola no pé do adversário, que não teve tempo de finalizar corretamente.

Depois do susto inicial, o Gladbach passou a controlar as ações da partida, dominando a posse de bola e até trocando passes com alguma fluidez, mas sem qualquer profundidade na frente. Aos 22’, Jordan Beyer cometeu erro gravíssimo, perdeu a posse de bola que estava dominada, Kruse tocou para Haraguchi na direita e meio-campista encontrou um cruzamento na medida para Niko Giesselmann, desmarcado, cabecear para o fundo do gol.

Jordan Beyer realizava atuação segura até cometer erro juvenil (Foto: Reprodução/AFP

Improdutivo no ataque, o Borussia só assustou aos 35’ através de uma ação solitária de Hannes Wolf, que mesmo sem ângulo, deu bom chute de esquerda, exigindo boa defesa de Luthe. Os Potros voltaram a ser castigados aos 41’, quando em um escanteio ofensivo, Lars Stindl errou um passe fácil, o Union partiu em velocidade até a bola chegar em Max Kruse, o atacante deslocou Kramer com extrema facilidade e deu passe nas costas da defesa para Awoniyi – o atacante driblou Sommer e dobrou a vantagem dos mandantes.

Jonas Hofmann teve a oportunidade de reduzir o prejuízo imediatamente, mas parou em defesa de Luthe, no rebote, Neuhaus desperdiçou uma oportunidade incrível, chutando para fora. Insatisfeito com a atuação pobre do primeiro tempo, Hütter promoveu as entradas de Zakaria e Herrmann nas vagas de Kramer e Wolf, respectivamente.

Adi Hütter tenta mudanças no segundo tempo, mas desempenho segue decepcionante

Os Foals tentaram retornar com um ritmo maior, principalmente pela ausência do letárgico Kramer no meio-campo, porém sem tanta eficiência nas finalizações, apesar de algumas tentativas com Pléa de fora da área. Na melhor delas, Zakaria quase anotou um belíssimo gol de fora da área, com o arremate raspando o travessão.

O prejuízo foi reduzido somente aos 90+1’, quando Bénes recebeu passe de Stindl e ficou de frente pro gol, a finalização do eslovaco não foi precisa, mas suficiente para dar rebote, aproveitado por Hofmann no carrinho. Ainda houve tempo para uma tentativa de empate com Patrick Herrmann, que finalizou pra fora.

Gladbach: Sommer (5), Scally (5), Beyer (4), Elvedi (5), Bensebaini (3); Kramer (2), Neuhaus (5), Wolf (4), Hofmann (5); Stindl (3), Pléa (4)

Subs: Bennetts (s/nota); Zakaria (6); Bénes (5); Herrmann (4)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s