Borussia Mönchengladbach volta a cometer os mesmos erros de sempre, tem atuação caótica e é goleado pelo Köln no Rheinderby

Foto: Reprodução/Getty Images

Nada supera a atmosfera de um derby. Nada supera um triunfo em um derby. E para isso, é necessário ter vontade. Neste sábado, em jogo válido pela 13º rodada da Bundesliga, o Borussia Mönchengladbach foi goleado pelo arquirrival Köln por 4 a 1, com gols de Ljubicic, Duda, Uth e Andersson, enquanto Jonas Hofmann anotou o tento solitário dos Potros.

O resultado humilhante reforça o desempenho ridículo da equipe fora de casa – sete jogos, uma vitória, um empate e cinco derrotas, com seis gols feitos e quinze sofridos.

A temática de um clássico é quase basicamente a mesma: lutar desde o apito inicial e ser firme e intenso na marcação, e foi exatamente o que a equipe do Köln demonstrou no confronto. Bastante disputado, a partida não teve nenhuma chance real de gol até os 35’, quando Yann Sommer salvou uma cabeçada de Anthony Modeste a queima-roupa. Gladbach até encontrava espaços, no entanto a imprecisão foi tendência da equipe que chegou com perigo somente aos 41’, quando Herrmann bateu forte e exigiu boa defesa do goleiro.

No lance seguinte, após a cobrança de escanteio, a pelota sobrou para Denis Zakaria, que arriscou um belo chute de fora da área, que por azar acertou a trave. Faltou qualidade pelo lado do Borussia na etapa inicial e alguns jogadores estiveram longe de apresentar um bom nível, tal como Stindl e Koné, além de Pléa, muitas vezes em impedimento.

Gladbach sai atrás, busca igualdade, mas despenca após erro infantil de Florian Neuhaus

O time mandante abriu o placar no início da segunda etapa após boa trama ofensiva, Koné cortou a finalização depois de um cruzamento, no entanto ninguém marcou a sobra, Ljubicic apareceu livre na pequena área e finalizou para abrir o placar. Pléa quase respondeu poucos minutos depois com um belíssimo chute em curva da entrada da área, porém a finalização novamente parou na trave.

Depois de tanto insistir e desperdiçar algumas chances, o Borussia alcançou o empate aos 74’ através de Jonas Hofmann, que recebeu bom passe de Herrmann, avançou e bateu cruzado. O ímpeto foi rapidamente interrompido, pois aos 77’, Florian Neuhaus errou um passe extremamente infantil – Uth interceptou e finalizou de fora da área, rasteiro e cruzado para marcar. A bola ainda tocou na trave antes de parar no fundo das redes.

Em um absoluto e inexplicável colapso, o Gladbach concedeu o terceiro logo no minuto seguinte – Elvedi afastou pessimamente um cruzamento, a bola sobrou para Duda, o meio-campista nem finalizou tão bem, mas Sommer contribuiu ao errar o gesto técnico, deixando a bola passar por debaixo dele. O time até tentou alguma pressão nos minutos finais, mas estava evidente a falta de precisão no acabamento das jogadas.

No ato final, para “fechar o caixão”, o Köln teve total liberdade pela direita, Ginter, Elvedi e Zakaria deixaram Andersson totalmente livre e o atacante anotou em sua especialidade, ao cabecear para anotar o quarto dos mandantes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s