Alassane Pléa comanda reação do Gladbach, que repete erros defensivos e fica apenas no empate diante do Wolfsburg

Atacante francês foi o único destaque positivo da partida (Foto: Reprodução/GettyImages)

Borussia Mönchengladbach entrou em campo neste sábado (26) em jogo válido pela 24ª rodada da Bundesliga, diante do Wolfsburg no Borussia-Park. Repetindo erros defensivos graves, os Potros saíram novamente em desvantagem, mas buscaram o empate. O confronto terminou empatado por 2 a 2 – Wind e Bornauw anotaram para os visitantes, enquanto Thuram e Embolo fizeram os tentos dos Foals.

Com algumas alterações na equipe inicial, Adi Hütter promoveu os retornos de Beyer, Kramer e Embolo, por opção médica, tática e técnica, respectivamente. O início foi razoavelmente promissor, Marcus Thuram teve duas oportunidades e acabou desperdiçando ambas. Na primeira chegada, os Lobos aproveitaram a fragilidade tática e defensiva do Borussia e abriram o placar com Jonas Wind, aproveitando cruzamento de Baku. O centroavante dinamarquês se antecipou aos três zagueiros do Borussia para finalizar.

Incapaz de produzir qualquer coisa ofensivamente, o jogo ficou no limbo, sendo assim, a feição do Wolfsburg, que voltou a marcar aos 33’. Sem ter feito qualquer gol em jogadas de escanteio, os visitantes marcaram justamente na bola parada – Bornauw aproveitou a marcação completamente patética e amadora de Ginter e cabeceou para o fundo das redes, dobrando a vantagem dos Lobos. Foram 99 tentativas infrutíferas em jogadas de escanteio antes do gol anotado pelo zagueiro.

Único jogador a tentar algo em campo, Alassane Pléa conseguiu recolocar o Gladbach na partida ao acertar um belo cruzamento para Marcus Thuram, o atacante emendou bela cabeçada e diminuiu o prejuízo pouco antes do intervalo. Esse foi o primeiro gol do atacante francês na temporada.

Já na segunda etapa, o confronto ficou ainda mais aberto, com espaço disponível para as duas equipes. Como de costume, o Borussia marcava de forma amadora e por sorte, não teve o prejuízo aumentado. Em um lance suspeito, Kruse reclamou de pênalti, o árbitro não viu nada e o VAR não interveio – pareceu ser uma penalidade muito clara, porém a arbitragem não entendeu dessa forma.

Logo em sequência, Lacroix impediu jogada promissora ao segurar Thuram e acertar a bola com a mão. O VAR alertou o árbitro, que assistiu a ação e expulsou o defensor francês. Borussia foi para o abafa e conseguiu a igualdade aos 82’, novamente através de um belo cruzamento de Alassane Pléa, dessa vez servindo Breel Embolo, que também marcou de cabeça.

Apesar da pressão final, os Die Fohlen não conseguiram alcançar a virada, bom, ao menos de forma legal. Matthias Ginter anotou o tento da virada aos 90+1’, no entanto o árbitro impugnou o tento alegando falta de Herrmann no início da jogada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s